Motorista de van é baleado por PM após discussão próximo ao Complexo do Alemão, no Rio

Um motorista de van foi baleado após discutir com uma mulher Policial Militar, que era passageira da condução, na noite desta terça-feira, dia 8, próximo ao Complexo do Alemão, na Avenida Itaóca, em Bonsucesso, na Zona Norte do Rio. A agente, que estava a paisana, se encaminhava para a Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP), em Bonsucesso, quando aconteceu um desentendimento entre eles no desembarque da PM.

Durante a briga verbal, a soldado Gabriela Dias da Cruz, lotada na UPP Fazendinha, atirou no motorista. Juadson Luz Almeida, de 32 anos, foi levado baleado ao Hospital Estadual Getúlio Vargas. O ativista Renê Silva, um dos líderes do portal “Voz das Comunidades”, postou vídeos em seu perfil no Twitter, entre eles uma gravação feita pela própria vítima ainda deitada no chão.

“Estou aqui baleado. Estou aqui baleado e essa mulher que me deu um tiro. Ela me deu um tiro a troco de nada. Eu sou trabalhador”, diz Juadson durante os 12 segundos de vídeo.

Versão da policial

Segundo a PM, a policial militar informou que ocorreu um desentendimento entre ela e o motorista da van, e que ela realizou um disparo como forma de defesa. Conforme o relato da agente, ela havia tomado a condução para chegar à Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP), em Bonsucesso, onde assumiria o serviço noturno. No desembarque, ocorreu um atrito verbal entre eles.

Ainda segundo a PM, após a saída da policial, o motorista desceu do veículo indo na direção dela. A agente fez um disparo defensivo, que veio a feri-lo.

Uma ocorrência foi registrada na 44ª DP ( Inhaúma), que ja investiga o caso. Em paralelo, a CPP ouviu a policial e instaurou um procedimento interno para averiguar o fato.


Com Agências

RSS
Follow by Email
Twitter
Visit Us
Follow Me
YOUTUBE
Leitores On Line