Morador de Joinville morre ao cair em cachoeira em Massaranduba

Fabrício Fonseca tinha 36 anos e morreu ao cair de um deck na manhã de domingo (6)

Uma tragédia tirou a vida de um homem de 36 anos na manhã de domingo (6), em Massaranduba, no Norte de Santa Catarina. Morador de Joinville, Fabrício Fonseca morreu ao cair em uma cachoeira por volta das 10h.

Fabrício Fonseca morreu na manhã de domingo (6) após cair de um deck em Massaranduba – Foto: Redes Sociais/Reprodução

O companheiro de Fabrício, Vilmar dos Santos, de 31 anos, contou que o casal estava em uma casa alugada para um pequeno aniversário que ocorreu no sábado e, cerca de 30 minutos após o café da manhã, Fabrício estava em um deck com uma amiga quando se desequilibrou e caiu em uma cachoeira. “Foi uma fatalidade”, diz.

“Nós levantamos, tomamos café, ríamos enquanto estávamos na mesa. Aí eu abracei ele e desci, fui na outra casa ao lado para ficar na rede. Eu só deitei e escutei os gritos. Quando subi ele já estava caído. Eu não pude fazer nada”, lembra, com a voz embargada.

O casal estava junto há sete anos e as manifestações de carinho nas redes sociais só reforçam o que Vilmar já conhecia, um homem amoroso e que fazia amizade com facilidade. “Ele era uma pessoa incrível, tudo que eu tenho, que eu sou, sou grato a ele. Onde ele estava espalhava amor, harmonia, amizade. Era querido por todo mundo. É um amor de pessoa, para mim é uma perda tão grande que eu não sei como vou conseguir sobreviver”, fala.

Fabrício foi sepultado nesta desta segunda-feira (7), no Cemitério São Sebastião – Foto: Redes Sociais/Reprodução

Nas redes sociais, a despedida de Vilmar emocionou os amigos. “Fabricio que Deus te receba de braços abertos, você foi incrível, você me preparou esse tempo todo que nós estávamos juntos para esse dia, sempre dizendo “cara seja forte porque um dia vou precisar que você seja forte”, mas não precisava me deixar assim tão cedo, sempre te amei meu amor e sempre vou te amar, você sempre vai estar no meu coração aonde eu for. Para sempre vou te amar. Que nessa nova jornada sua lá em cima faça como fez aqui, faça com amor porque foi isso que você fez. Olhe por mim e me guie, vou precisar muito. Descanse agora Fabricio”, escreveu.

Fabrício foi sepultado nesta segunda-feira (7), no Cemitério São Sebastião.


Com Agências