Exclusivo: relator do ‘caso Queiroz’ no STJ reforça segurança após ameaça

O ministro Félix Fischer, que está internado desde ontem no hospital DF Star, solicitou reforço na segurança após receber ameaça telefônica.

O Antagonista apurou que sua filha recebeu telefonema de um homem que disse conhecer toda a rotina da família, além de dados pessoais de todos.

Hoje, dois efetivos do corpo policial do STJ foram destacados para a UTI em que o ministro se recupera no Hospital DF Star, depois de ter sido submetido a uma cirurgia de hérnia.