Diocese marca data para retomar missas nas igrejas de Blumenau

diocese-marca-data-para-retomar-missas-nas-igrejas-de-blumenau
Celebrações terão de obedecer às medidas preventivas
Celebrações terão de obedecer às medidas preventivas (Foto: Patrick Rodrigues, BD)

A Diocese de Blumenau anunciou que retomará as missas presenciais nas paróquias do município a partir de sábado (15). A decisão do bispo Rafael Biernaski veio após a mudança no status da pandemia no Médio Vale do Itajaí de gravíssimo para grave e na redução no número de casos blumenauenses.

Em julho, a diocese havia decido manter as missas pela internet em Blumenau, apesar da liberação das celebrações aos domingos — e depois também às quartas-feiras. No fim do mês, as paróquias dos municípios vizinhos tiveram autorização para reunir os fiéis, mas as blumenauenses, não. No decreto da última quarta (12), a prefeitura de Blumenau liberou cultos e missas em qualquer dia somente a partir da próxima segunda (17).

Conforme a regra em vigor nesta semana, celebrações religiosas podem ocorrer nesta quinta à noite e no próximo domingo — o sábado estaria reservado apenas às igrejas adventistas. Apesar disso, Biernaski afirma que, para os católicos, o “domingo litúrgico” inicia no sábado à tarde. Sendo assim, as paróquias pretendem promover as missas já neste sábado.

Desde o início da pandemia, a liderança católica vem sendo mais cautelosa que as autoridades nas restrições às celebrações com público. Em março, quando o presidente Jair Bolsonaro havia considerado a atividade religiosa como essencial, as missas em Blumenau continuaram suspensas.

Para poder reunir os católicos no interior dos templos, o público deverá ser restrito a 30% da capacidade, mantendo distanciamento, com uso de máscaras. Deve haver álcool gel à disposição.