AL tem 1.413 mortes por Covid-19 e 50.307 casos confirmados

No primeiro dia da fase amarela em Maceió, Secretaria da Saúde confirmou apenas 16 novas mortes e mais 228 casos no estado. Recuperados são 44.158. A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) divulgou nesta segunda-feira (20) que Alagoas tem 1.413 mortes por Covid-19 e 50.307 casos confirmados. Foram 16 novas mortes e 228 casos, o menor número diário divulgado em meses no boletim epidemiológico.
Contudo, esse número pode ser maior que o divulgado oficialmente. Por meio de nota à imprensa, a Sesau informou que o sistema do Ministério da Saúde utilizado pelos municípios para contabilizar novos casos da doença está com problemas desde o fim de semana, dificultando a atualização (leia na íntegra ao final do texto).
Nesta manhã, justificando a queda no número médio de novos casos e óbitos, o estado avançou para uma nova etapa do distanciamento social controlado, com Maceió na fase amarela e 20 municípios do interior na fase laranja, permitindo a reabertura de novos serviços não essenciais.
MÉDIA MÓVEL: veja em que estados as mortes estão subindo, em estabilidade ou em queda
MAPA: Veja o número de casos por município
Ainda segundo informações do boletim oficial, o estado tem apenas 803 casos suspeitos. Das pessoas que tiveram teste positivo para o novo coronavírus, 44.158 conseguiram se recuperar.
A atualização feita às 11 horas, mostra que a taxa de ocupação dos leitos de UTI exclusivos para pacientes com suspeita e confirmação de infecção pelo novo coronavírus estava em 66%, acima dos 63% registrado um dia antes. Considerando os leitos clínicos e intermediários, a ocupação cai para 36%.
Mais 16 mortes por Covid-19 em Alagoas
Maceió: Homem, 63 anos, doença cardíaca crônica
Maceió: Homem, 50 anos, doença cardiovascular
Maceió: Homem, 65 anos, doença renal crônica
Maceió: Homem, 60 anos, sem comorbidades
Arapiraca: Homem, 73 anos, sem comorbidades
Arapiraca: Homem, 64 anos, diabético
Delmiro Gouveia: Homem, 79 anos, sem comorbidades
Delmiro Gouveia: Homem, 73 anos, sem comorbidades
Estrela de Alagoas: Mulher, 78 anos, diabética
Boca da Mata: Mulher, 75 anos, sem comorbidades
Campo Alegre: Homem, 18 anos, sem comorbidades
Girau do Ponciano: Homem, 89 anos, sem comorbidades
Murici: Homem, 66 anos, diabético
Santa Luzia do Norte: Homem, 57 anos, sem comorbidades
Traipu: Homem, 79 anos, diabético
Viçosa: Homem, 75 anos, diabético
Leia abaixo a nota da Sesau sobre a instabilidade no sistema
NOTA À IMPRENSA – SESAU
A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) informa que os problemas evidenciados no sistema E-SUS Notifica, do Ministério da Saúde (MS), ainda não foram solucionados. A Sesau segue aguardando as melhorias no sistema que serão promovidas pelo Departamento de Informática do SUS (DATASUS).
Desta forma, os municípios alagoanos, responsáveis por comunicar à Sesau os casos notificados de síndrome gripal com resultado positivo para a Covid-19, continuam com dificuldades de atualizar os números da doença por meio desta plataforma.
Ciente de que a instabilidade no sistema E-SUS Notifica acarreta na contabilidade de casos novos, a SESAU solicitou aos municípios o preenchimento de planilhas para confirmação dos casos de Covid-19, sendo necessário que o E-SUS Notifica seja atualizado oficialmente assim que o sistema retornar à sua normalidade.

Com Agências