Agência BR - Taxa de isolamento social volta a cair em São Paulo

Taxa de isolamento social volta a cair em São Paulo

Brasil -

A taxa de isolamento social voltou a cair no estado de São Paulo. Após o governador de São Paulo, João Doria, ter comemorado ontem (14) que o isolamento no estado havia voltado a crescer no feriado de Páscoa, alcançando 59%.  Na segunda (13) ele caiu novamente, somando apenas 50%.

A taxa considerada ideal de isolamento para diminuir a propagação do coronavírus e evitar um colapso no sistema de saúde é acima de 70%.

Na capital, o isolamento atingiu 50% das pessoas. Mas houve cidades do estado onde a taxa foi maior, somando 58% de adesão ao isolamento, tais como Cajamar, Cosmópolis e São Vicente.

Já a que apresentou a menor adesão foi Limeira, com apenas 42% de sua população obedecendo à quarentena; seguida por São José do Rio Preto e Presidente Prudente, com 43%, bem abaixo do valor considerado ideal.

A taxa de isolamento é verificada por meio de um sistema de monitoramento inteligente chamado SIMI-SP. Nesse sistema, as operadoras de telefonia Vivo, Claro, Oi e TIM analisam os dados de telefonia móvel para indicar as tendências de deslocamento.

Com isso, é possível apontar em quais regiões a adesão à quarentena é maior e em quais as campanhas de conscientização precisam ser intensificadas, inclusive com apoio das prefeituras. O sistema hoje está monitorando 47 cidades do estado para verificar a adesão à quarentena.

Segundo o governo paulista, se a taxa continuar baixa, o número de leitos disponíveis no sistema de saúde não será suficiente para atender a população, principalmente com a alta demanda provocada pelo coronavírus.


Fonte: Com Agências

 


 Leitores On Line