Véspera de eleição tem tentativa de assassinato a candidato no ES

6 de outubro de 2018

A ocorrência mais grave registrada na véspera da eleição, pelo Centro de Integrado de Comando e Controle Nacional, foi a tentativa de assassinato de um candidato a deputado estadual que aguardava para participar de uma reunião no município de Serra (ES).

“Uma moto de cor preta com dois indivíduos veio na contramão e parou em frente a ele. O motoqueiro tirou a viseira do capacete, sacou uma arma tipo pistola, e falou ‘isto aqui é para você, e não adianta correr’. A vítima conseguiu escapar, retornando para o interior do ambiente”, informou o boletim divulgado pelo centro, às 19h deste sábado (6), com o balanço das ocorrências.

Foram registradas também detenções no Paraná (1), na Bahia (2), no Rio de Janeiro (2) e no Maranhão (2). Os motivos foram suspeita de compra de votos e denúncias de panfletagem com material em desacordo com a legislação eleitoral. Foram realizadas cinco apreensões de material irregular de campanha em Pernambuco (2), na Bahia (1) e no Rio Grande do Sul (2). Foi registrado dano ao patrimônio público em Rondônia com pichação de muro com tinta vermelha com a frase “guerra popular sim” acompanhada do símbolo do comunismo e panfletos amarrados nas adjacências de escolas incentivando as pessoas a não votar.

Desde o início da operação, na sexta-feira (5), foram registrados, no total: 23 detenções, dez manifestações pacíficas, oito apreensões, um acidente envolvendo uma candidata, uma ocorrência de dano ao patrimônio público e uma ocorrência de crime contra candidato.

A Operação Eleições 2018 é uma operação integrada com a participação das forças de segurança de todo o país e faz parte do Susp – Sistema Único de Segurança Pública.

Leia também...

Loading...
Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com