Soja responde por 16% das exportações brasileiras no semestre

Dados do Indicador do Comércio Exterior (Icomex), relativo ao mês de junho, e divulgado hoje (19), pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre FGV) apontam que a soja em grão respondeu por 16% do total exportado pelo Brasil para o mundo nos primeiros seis meses do ano e, se somarmos o minério de ferro e o petróleo, o percentual chega a 33%.

A participação da China na pauta das exportações continua crescendo e o país asiático mantém-se como principal destino dos produtos brasileiros, já tendo ultrapassado a parcela dos 28 países da União Europeia. Segundo a publicação, as exportações brasileiras para a China cresceram 26% no primeiro semestre do ano.

Alto Paraíso (GO) - Plantação de soja em área do município de Alto Paraíso mostra o avanço da fronteira agrícola na região da Chapada dos Veadeiros (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

A soja responde pelo maior parte das exportações brasileiras (Arquivi/Agência Brasil)

Segundo o estudo da FGV, como a pauta de exportações do país tem se concentrado em poucas commodities, e a China vem ganhando participação como país destino dos produtos brasileiros, é forçosa a necessidade de “se discutir uma nova agenda da política de comércio exterior do país”.

Desvalorização cambial

Os economistas da FGV ressaltaram o fato de que os resultados do Icomex relativo a junho mostram que o efeito da desvalorização cambial ainda não se fez sentir nos fluxos comerciais, em especial nas importações.

Segundo o estudo, o índice da taxa de câmbio real efetivo calculado pelo Ibre mostra uma desvalorização de 11% de janeiro a junho, o que levaria a um efeito negativo nas importações. Ressaltam, porém, que “o efeito câmbio não é imediato, e outros fatores influenciam nos fluxos de comércio. No caso das importações, por exemplo, o nível da atividade doméstica é o principal fator de influência nos fluxos de comércio e até maio ainda se esperava crescimento do PIB na ordem de 2,5 a 2,8%”.

“A reversão dessas projeções [do PIB] para valores próximos a 1%, a partir do final do semestre, sugere que, além do efeito defasado do câmbio, as importações deverão ter uma maior desaceleração”, a partir deste segundo semestre do ano, diz o Ibre.

O documento ressalta ainda o fato de que, no caso das exportações, “o efeito câmbio foi positivo para o crescimento das não commodities, de 9,7% na comparação dos dois primeiros semestres, e 7,9% entre junho de 2017 e [junho] 2018”.

As commodities, que explicam cerca de 60% das exportações brasileiras, cresceram 2,9% no primeiro semestre deste ano, comparativamente ao primeiro semestre do ano passado, embora tenham recuado 1,7% na comparação mensal (maio-junho).

“Esse último resultado foi influenciado pela queda de 11% no volume global, puxado pelo agregado das carnes (-42%) e petróleo (-49%). Já o complexo da soja, por sua vez, registrou variação positiva de 11,6%, com o término da greve dos caminhoneiros”.

A evolução dos preços, segundo o estudo, levou a um aumento nos termos de troca em 2,4% de maio a junho de 2018, porém, em relação ao início do ano, os termos de troca fecharam em queda de 2%. A avaliação dos economistas da FGV é de que “após uma recuperação nos preços das exportações no segundo semestre do ano passado, os termos de troca tendem a declinar este ano. Ressalta-se no entanto, que ainda estamos com valores superiores ao do período de 2013/15”.

Fluxo de comércio

A variação mensal e semestral dos volumes exportados e importados por categoria de uso mostram que nas exportações todas as categorias registraram queda, a exceção de bens de capital. Nesse último grupo, estão incluídos produtos com tonelagem elevada como as plataformas de petróleo (em valor de mais de 6.000% na comparação semestral), aviões (aumento de 43% em junho), turbinas para aviões (3.300% em junho), entre outros.

Já no que diz respeito às importações, todos os volumes aumentaram tanto no comparativo mensal, como no semestral, com destaque para o crescimento de 31,3% dos bens de capital no primeiro semestre do ano. “Uma parte é explicada pela importação de plataforma de petróleo, em especial no mês de fevereiro, mas nos outros meses reflete investimentos em máquinas e equipamentos”.

Plataforma de petróleo

Plataformas de petróleo influenciaram no volume de importações (Arquivo/Agência Brasil)

A avaliação dos economistas é de que esse resultado contrasta com as importações de bens intermediários, que recuam e se associam ao nível de atividade. A desvalorização cambial leva a substituição por insumos domésticos, mas parece não ter afetado, até o momento, segundo os economistas, os planos de longo prazo associados a investimentos de bens de capital.

Os economistas avaliam ainda que “as compras de bens duráveis (automóveis, principalmente) podem também estar refletindo o efeito defasado do câmbio e o receio de uma possível desvalorização acentuada por turbulências na esfera política”.

14 Comentários

  • I simply want to tell you that I am newbie to blogging and honestly savored you’re blog. Likely I’m planning to bookmark your website . You certainly come with fantastic well written articles. Kudos for revealing your website.

  • Nice post. I find out some thing harder on distinct blogs everyday. It will always be stimulating to study content using their company writers and exercise something from their website. I’d would rather apply certain using the content in my weblog regardless of whether you do not mind. Natually I’ll provide you with a link with your web weblog. Many thanks for sharing.

  • Thanks for giving your ideas on this blog. Furthermore, a delusion regarding the banking institutions intentions whenever talking about property foreclosure is that the loan company will not have my repayments. There is a degree of time that the bank will take payments in some places. If you are as well deep inside hole, they will commonly call that you pay the actual payment completely. However, i am not saying that they will not take any sort of repayments at all. In the event you and the financial institution can manage to work something out, this foreclosure course of action may cease. However, if you ever continue to miss payments underneath the new system, the property foreclosures process can pick up from where it was left off.

  • I’ll immediately grab your rss feed as I can’t in finding your email subscription link or e-newsletter service. Do you have any? Kindly allow me recognize so that I may just subscribe. Thanks.

  • After I initially commented I seem to have clicked on the -Notify me when new comments are added- checkbox and now every time a comment is added I get four emails with the same comment. Perhaps there is an easy method you can remove me from that service? Kudos.

  • That is a great tip particularly to those fresh to the blogosphere. Simple but very accurate information… Appreciate your sharing this one. A must read article!

  • Thank you for the sensible critique. Me and my neighbor were just preparing to do some research about this. We got a grab a book from our area library but I think I learned more clear from this post. I am very glad to see such great information being shared freely out there.

  • Thanks for revealing your ideas. A very important factor is that individuals have a selection between federal government student loan as well as a private student loan where it can be easier to select student loan online debt consolidation than through the federal student loan.

  • I enjoy you because of your whole hard work on this site. Ellie really loves working on investigation and it is obvious why. I hear all concerning the lively medium you convey both interesting and useful guides by means of this website and as well encourage contribution from people about this matter while our own child is certainly discovering a great deal. Have fun with the remaining portion of the new year. You’re carrying out a pretty cool job.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com