Sidão admite pensar em G-4 mas prioriza alcançar os 46 pontos no Brasileirão

O Dia

– Vindo por empréstimo do Audax-SP, válido até o final desta temporada, goleiro confirma desejo de permanecer vestindo a camisa do Botafogo –

Rio – O G-4 ficou distante, mas não abalou a confiança do Botafogo de seguir buscando a parte de cima da tabela. Com 38 pontos, o Alvinegro ocupa a décima colocação na classificação. O goleiro Sidão admitiu que marcar presença na Libertadores ainda é um desejo da equipe de Jair Ventura, mas destacou que o time precisa acabar com as chances de pisar na zona de rebaixamento novamente.

“(G-4) Passa pela cabeça sim. Se disser que não, é mentira. Seriamos muito pequenos se não pensássemos em G-4 e coisas grandes. Mas primeiro temos que pensar em fazer logo esses 46 pontos”, disse o goleiro.

Sidão chegou ao Botafogo por empréstimo do Audax-SP até o fim desta temporada. Porém, deixar General Severiano não está nos planos do goleiro, que já torce pela negociação de sua permanência na equipe alvinegra.

“O (Antônio) Lopes me chamou dizendo que há o interesse do Botafogo em me manter. Eu também tenho. Estamos conversando com o Audax para a gente finalizar essa negociação. Para dar sequencia na carreira, seria bom continuar jogando. Mas a prioridade é do Botafogo. Foi o único clube grande que apostou em mim. Então quero ficar”, concluiu Sidão.

O Botafogo enfrenta o Corinthians, neste sábado, às 16h30, na Ilha do Governador.


Outros destaques: