Polícia prende suspeito de provocar vazamento de combustível no Rio

A Polícia Civil prendeu na manhã de hoje (1º) um suspeito de participar da tentativa de furto de combustível, que resultou em um vazamento de gasolina em Parque Capivari, em Duque de Caxias, no dia 27 de abril. O jovem de 21 anos é suspeito de integrar um grupo miliciano, que seria o responsável pelo furto do combustível do duto da Petrobras.

O vazamento deixou pelo menos três pessoas feridas, entre elas uma menina de nove anos, que teve 80% de seu corpo queimado pelo combustível e está internada em estado grave.

O mandado de prisão temporária foi expedido pelo Plantão Judiciário. O suspeito responderá por tentativa de homicídio qualificado, furto duplamente qualificado, constituição de milícia privada, crime contra a ordem econômica e crime contra o meio ambiente. As investigações prosseguem para tentar identificar outros suspeitos.

Segundo a Polícia Civil, durante a tentativa do furto do combustível, ao furar o duto, o líquido jorrou a uma altura de dez metros, em alta temperatura. Várias pessoas tiveram que ser evacuadas de suas casas nas redondezas, por causa do forte cheiro e do risco de explosão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com