Polícia investiga agressão motivada por homofobia em escola do Rio

31 de outubro de 2018

A Polícia Civil está investigando um caso de agressão motivado por homofobia dentro de uma escola estadual na zona norte da cidade do Rio de Janeiro. O caso ocorreu na tarde da última segunda-feira (29), no Colégio Estadual Visconde de Cairu, no bairro do Méier.

Um estudante da Visconde de Cairu relatou nas redes sociais que ele e um amigo foram agredidos com socos, pontapés e golpes de madeira. Segundo o jovem, tudo começou quando o agressor os abordou dentro da escola dizendo que não era homossexual e que ia matar as duas vítimas.

Depois de algum tempo, de acordo com o jovem, o agressor se encontrou com as vítimas novamente e começou a agredi-los. Inicialmente teria batido com um pedaço de madeira na cabeça e dado socos e pontapés no estudante, que caiu no chão. Em seguida, começou a agredir o amigo da vítima também com golpes de madeira.

O agressor, segundo o relato do jovem, também seria estudante e teria contado com o apoio de outros alunos para fugir do local.

A Secretaria Estadual de Educação informou, por meio de nota, que está acompanhando o caso e que tomará todas as medidas cabíveis em relação aos envolvidos. Já a Polícia Civil informou que a investigação está a cargo da Delegacia do Méier (23ª DP) e que diligências estão sendo feitas para apurar o fato.

Leia também...

Loading...
Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com