PM encontra corpo de homem desaparecido após dar carona a desconhecido em Camboriú

Paulo Gonçalves foi encontrado morto em uma área de mata e de difícil acesso em Camboriú;

suspeita é que tenha ocorrido um latrocínio

Paulo desapareceu na madrugada de sexta após sair de uma festa com um amigo – Foto: Arquivo Pessoal

A suspeita é que tenha se tratado de um latrocínio. Paulo Giovani Teixeira Gonçalves foi encontrado morto em uma área de mata em Camboriú. Para chegar ao local de difícil acesso, os policias precisaram caminhar por cerca de 30 minutos.

Um adolescente 16 anos foi apreendido, suspeito de envolvimento com o crime. A ocorrência ainda está em andamento.

Relembre a história

De acordo com familiares, Paulo morava em Porto Belo, é DJ e motorista de Uber. Na quinta-feira (23), após ver que o movimento no aplicativo estava fraco, ele teria convidado um amigo para ir a uma balada, em Camboriú.

Já na madrugada de sexta-feira (24), ao sair da festa com o amigo, um estranho teria pedido carona para Paulo.

“Segundo esse amigo, o Paulo, então, o teria deixado em casa e falou que ia levar esse cara desconhecido até a casa dele, e depois iria para casa”, conta Lauren Teixeira Gonçalves, irmã de Paulo.

Ainda segundo Lauren, por volta das 7h da manhã, Paulo teria enviado uma mensagem para a mãe dizendo que dormiria na casa de um amigo. Desde então, o DJ não deu mais notícias.

Na tarde de sexta-feira (24), o carro de Paulo foi encontrado em uma rua, no centro de Camboriú. De acordo com testemunhas, um homem e uma mulher teriam parado o veículo e descido no local por volta das 10h de sexta-feira.


Outros destaques: