Papa Francisco recebe sobreviventes de Nice

O Dia

– Ataque ocorrido no Promenade des Anglais, durante uma celebração pela Queda da Bastilha, foi reivindicado pelo grupo terrorista Estado Islâmico –

Rio – O Papa Francisco reuniu em uma celebração ontem sobreviventes do atentado terrorista de Nice, na França, ocorrido no dia 14 de julho, e pediu que o diálogo prevaleça sobre o ódio. “Quando há a tentação de revoltar-se, ou ainda de responder ao ódio com o ódio e à violência com violência, uma autêntica conversão do coração é necessária. Esta é a mensagem que o Evangelho de Jesus envia para todos. Deve-se responder aos ataques do demônio só com obras de Deus, que são o perdão, o amor e o respeito ao próximo”, disse.

O ataque ocorrido no Promenade des Anglais, durante uma celebração pela Queda da Bastilha, foi reivindicado pelo grupo terrorista Estado Islâmico. Um homem, identificado como Mohamed Bouhlel, atropelou dezenas de pessoas com um caminhão em uma área que estava fechada para veículos. Ao todo, 86 pessoas perderam a vida no ataque.

A audiência na sala Paulo VI reuniu mil pessoas vindas de Nice, entre elas o prefeito Christian Estrosi.


Outros destaques: