Paes diz que é preciso “tomar vergonha na cara” e critica secretário estadual

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, fez duras críticas, neste sábado (2), às declarações do secretário Estadual de Saúde, Luiz Antônio Teixeira, de que está com dificuldades para gerenciar os hospitais e que emergências podem fechar.

 

Eduardo Paes afirmou que é necessário tomar vergonha na cara e assumir as suas obrigações.

 

O prefeito Eduardo Paes também comentou o roubo de containers com equipamentos de duas emissores de TV da alemanha na última quinta-feira (30). O material foi encontrado nessa sexta-feira (1º).

 

Paes afirmou que respeita as forças policiais, mas é necessário ter comando e agir para garantir a segurança . As declarações do prefeito Eduardo Paes foram dadas após reuniãor com secretários e subprefeitos em um hotel, na Barra da Tijuca.

 

Durante o encontro, foi feito um balanço sobre os projetos realizados pela prefeito. Paes destacou que as metas estão sendo atingidas.
A Secretaria Estadual de Saúde não quis comentar as declarações do prefeito

Cynthia Cruz

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com