Imigrantes estão em Tijuana, no México, para definir o que fazer

18 de novembro de 2018

Os cerca de 5 mil homens, mulheres, adolescentes e crianças da caravana de imigrantes que entrou no México, no último dia 19, parou na cidade de Tijuana, na fronteira com os Estados Unidos. A expectativa do grupo é se reunir entre hoje (18) e amanhã (19) com os parentes e amigos que já estavam na cidade para definir o que fazer. O grupo vai decidir se permanece no México ou insiste em seguir para os Estados Unidos, onde o governo impôs severas regras para o ingresso no país.

A informação é atribuída a dados levantados pelas autoridades locais.

A maior concentração de centro-americanos, na sua maioria hondurenha, está no albergue que se instalou no ginásio Benito Juárez na região norte desta cidade, onde as autoridades registraram 2.397 pessoas 

Os imigrantes disseram que esperam a chegada de outras mil pessoas, que chegariam a qualquer momento, e que há outras 1.500 que estão na cidade de Mexicali com possibilidades de chegar no domingo ou na segunda-feira.

Os centro-americanos passaram da euforia, por causa da sua chegada à fronteira do México com os EUA, à reflexão, já que viram o esquema de segurança que há por trás da cerca fronteiriça com agentes americanos. 

Os imigrantes em Tijuana esperam a chegada de todos seus companheiros para tomar uma decisão, embora muitos já tenham analisado a possibilidade de ficar no México para regularizar sua situação migratória e trabalhar, e outros pensam esperar semanas ou meses, enquanto trabalham neste país, para tentar atravessar para os EUA em outra ocasião.

 

*Com informações da EFE.

Leia também...

Loading...
Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com