Gestão do Rio Imagem está na mira do MP

O Dia

– Sindicato dos Médicos vai denunciar demora na entrega de exames.ção contra OS que administra unidade –

Rio – O Sindicato dos Médicos do Rio de Janeiro vai encaminhar uma denúncia ao Ministério Público do estado pelo que chama de descaso da Organização Social (OS) Proll com os pacientes que frequentam o Centro Estadual de Diagnóstico por Imagem (Rio Imagem), no Centro da cidade. O motivo é que o grupo está com atraso na entrega dos resultados dos exames, como O DIA mostrou na quarta-feira. A OS administra o Rio Imagem, que há algum tempo apresenta problemas na gestão da unidade, responsável por exames de alta complexidade, como radiografia, ultrassonografia e tomografia.

Presidente do sindicato, Jorge Darze reclama das condições que a unidade enfrenta. “Não é a primeira vez que o Rio Imagem encara problemas. Hoje com o agravamento da crise do estado, eles devem estar passando por uma situação muito mais difícil do que as que já passaram. Estão tomando atitudes incompatíveis, com as quais eu não concordo”. Darze lembra que o sindicato já entrou com uma ação contra a OS e enviou para o Ministério Público, por causa do atraso no salário dos funcionários, em janeiro deste ano. Mas, na época, a OS conseguiu reverter.

“Eles não podem deixar de mostrar os resultados. Eles transformam a população em bucha de canhão. O que estão fazendo é um crime”, disse Darze. Segundo ele, a administração do Rio Imagem precisa, por lei, garantir o direito à saúde, e que a empresa devia penalizar o estado pelas condições e não os cidadãos, que sofrem com a espera do resultado dos exames. 

A Proll foi procurada para esclarecer a denúncia, mas preferiu não se manifestar e pediu que a reportabem procurasse a Secretaria Estadual da Saúde.

Reportagem da estagiária Marina Cardoso


Outros destaques: