Federação anuncia que Sam Allardyce não é mais técnico da seleção inglesa

O Dia

– Após denúncia, comandante não resistiu e acabou sendo demitido –

Inglaterra – A Federação Inglaterra (FA) anunciou nesta terça-feira que Sam Allardyce deixou a função de técnico da seleção principal, dois meses após ser contratado, após ser flagrado em vídeo admitindo que burlava a regulamentação da Fifa de registro de jogadores. O treinador, de 61 anos, foi gravado por profissionais do jornal “The Telegraph” durante uma investigação de dez meses realizada por uma equipe de repórteres. O veículo publica hoje ter obtido provas sobre casos de subornos e corrupção no futebol.

Sam Allardyce que assumiu o comando da seleção inglesa em julho. Com passagens por clubes como Bolton, Newcastle, Blackburn, West Ham e Sunderland, o treinador foi escolhido para ocupar o lugar de Roy Hodgson, que foi demitido depois da eliminação da equipe pela Islândia na Eurocopa.

Com uma câmera escondida, os repórteres do “The Telegraph” filmaram uma negociação com Allardyce, que aceitou receber 400 mil libras (cerca R$ 1,68 milhão) para ajudar a burlar regras sobre transferências de jogadores na Inglaterra. Desde 2008, a FA proíbe que empresas comprem parte dos direitos econômicos de atletas.


Outros destaques: