Comércio prevê criação de até 4 mil vagas

22 de setembro de 2016

O mês de setembro já chega ao final e, logo, todas as atenções irão para o fim de ano e as compras que habitualmente aquecem esse período. Este ano, uma expectativa de melhora no comércio já começa a despertar o otimismo no setor. A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL Salvador) estima que sejam ofertadas de 3 a 4 mil vagas temporárias para as compras do fim de ano. 

Para o presidente da entidade, Frutos Dias Neto, o otimismo é fruto de mudanças na condução econômica do país, que, pouco a pouco, começa a conquistar a confiança do consumidor novamente – o que também anima os lojistas, agora, mais confortáveis para fazer as contratações. Segundo Dias Neto, as vagas temporárias podem chegar ainda a 5 mil em toda a Bahia. 

A expectativa também corresponde a uma melhora em relação ao ano passado, quando a estimativa reduzida sequer foi alcançada. “Neste mesmo período de 2015, estimamos a abertura de 2 mil vagas temporárias, mas, por conta do momento econômico, ela sequer foi comprida”. 

A maior parte das vagas, este ano, deverão ser direcionadas às ocupações de atendimento e vendas. A maior parte das contratações é feita entre os meses de outubro e novembro, por isso, os interessados já devem se apressar para colocar seus currículos nas lojas e cadastrar-se nos órgãos como o Simm (municipal) e o Sine Bahia (estadual), a fim de encaixar-se em alguma ocupação o quanto antes. 

Em função das demissões que tomaram conta do setor ao longo dos últimos dois anos, e também de um grande contingente de pessoas em busca de trabalho, a previsão é de que sejam chamadas tanto aquelas com experiência na área de vendas como as que, mesmo sem esta passagem pelo mercado, se mostrem capazes de lidar com a função, tendo habilidade para se comunicar com o cliente.

Leia também...

Loading...
Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com