Chuvas permitem manter a vazão do rio São Francisco em Sobradinho

30 de novembro de 2016

O registro de chuvas na bacia do rio São Francisco nos últimos dias permitiu manter a vazão atual do chamado rio da integração nacional no reservatório de Sobradinho, na Bahia.

Há algumas semanas, quando foi autorizada a redução da defluência, a programação era para uma vazão de 750 metros cúbicos por segundo (m³/s) a partir do dia 21, na semana passada, chegando a 700m³/s a partir de hoje.

A equipe técnica da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf) apresentou um relatório sobre a vistoria no Baixo São Francisco, para avaliar os efeitos da defluência de 750m³/s durante a primeira semana da medida.

De acordo com a apresentação, houve o registro de banco arenoso emergindo nas proximidades da cidade de Juazeiro (BA) e presença de retroescavadeiras para garantir a captação de água para a Companhia de Abastecimento de Sergipe (Deso), entre outros reflexos.

Por outro lado, também devido às chuvas, a defluência no reservatório de Três Marias, em Minas Gerais, será reduzida paulatinamente, até atingir o patamar de 165 m³/s.

Conforme os técnicos da área, a expectativa é de que em 201'7 o nível de armazenamento no reservatório de Sobradinho varie entre 9% e 12% e em Três Marias, entre 20% e 28%.

Com isso, o cenário aponta que, com a vazão variando entre 800m³/s e 700m³/s em 2017, em dezembro do próximo ano o nível de armazenamento representará 10% da capacidade do reservatório.

Leia também...

Loading...
Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Leitores On Line