Alugar seu carro próprio vale a pena para conseguir uma renda extra?

Se existem efeitos positivos da crise econômica para os brasileiros, encontrar novas formas para conseguir uma renda extra com certeza está entre elas. Um povo que já é conhecido por seu empreendedorismo, passou, nos últimos meses, a buscar maneiras ainda mais criativas para ganhar um dinheirinho extra.

Neste cenário, tornaram-se populares serviços de empresas que facilitam o compartilhamento de bens, como Airbnb para hospedagem ou Pegcar para aluguel de veículos. Mesmo assim, muita gente que tem carro próprio e está precisando de dinheiro ainda tem dúvidas se disponibilizá-lo para locação é um bom negócio.

Quer acabar de vez com essa incerteza? O Pegcar separou os principais motivos pelos quais você não deve ter medo ao alugar seu carro, uma boa saída para ter uma renda extra.

9 razões para alugar seu carro
O carro é paixão nacional e, provavelmente, sua também. Não é à toa, portanto, que seja natural que você pondere muitos fatores antes de disponibilizar seu veículo para locação em sites como o Pegcar, que facilitam o contato entre usuários e proprietários de automóvel.

Serviços como esse são uma alternativa aos altos preços cobrados pelas locadoras de veículo e que, ao mesmo tempo, permitem que pessoas como você ganhem uma renda extra. Bastante consolidado nos Estados Unidos e na Europa, o compartilhamento de automóveis ainda é novidade no Brasil. Por isso selecionamos nove motivos pelos quais alugar seu carro vale a pena. Confira:

1. Renda extra garantida
Você sabe quanto custa ter um carro? Dependendo do ano e do modelo, o custo de um veículo popular pode ficar em torno de R$ 2,5 mil por mês. Deixar o seu carro parado na garagem, portanto, é certamente uma perda de dinheiro.

Disponibilizando seu automóvel para locação nos dias e horários em que não o utilizar, é possível garantir uma renda extra significativa, que pode passar dos R$ 1 mil e ajudar bastante nas despesas.  Ao alugar seu carro, você também pode definir o valor da diária, de acordo com o ano e modelo dele.

2. É seguro
Aluguéis de veículos feitos por meio de sites como o Pegcar são cobertos por seguro, garantindo que seu carro esteja protegido enquanto estiver na mão de outro motorista. A apólice é criada exclusivamente para o aluguel, não interferindo na que você já tem para o seu veículo. Ou seja, seu seguro pessoal não será acionado.

3. Apenas um condutor permitido
Não se preocupe com a possibilidade de ter várias pessoas dirigindo seu veículo a cada vez que ele for alugado. Apenas quem estiver no contrato de aluguel poderá conduzi-lo, então você poderá saber exatamente qual o perfil do motorista que estará guiando seu carro.

4. Não aumenta absurdamente a quilometragem
Outra preocupação frequente dos proprietários é em relação ao rápido aumento da quilometragem e também do desgaste do veículo. Se este é um ponto importante para você também, pode ficar tranquilo: é possível estabelecer o limite de quilômetros a serem rodados em um dia.

5. Condições estabelecidas por você
Além de definir a quilometragem, você também pode escolher os dias e horários em que o carro estará disponível para a locação. Quem se preocupa com a limpeza do veículo, pode, ainda, informar se ele pode ser usado para o transporte de animais de estimação.

6. Autonomia para escolher motoristas
Ao alugar seu carro, você não é obrigado a aceitar todas as solicitações enviadas pelo site. Os pedidos ficam sujeitos à sua aprovação e o perfil dos motoristas é analisado pelo Pegcar. Se quiser, você também pode conversar com os interessados via mensagem, tirando dúvidas e passando orientações que julgar importantes.

7. Entrega do carro agendada
Não pense que ao ter seu carro cadastrado em um site de compartilhamento de veículos você precisará ficar em casa de plantão, esperando para entregar as chaves para os motoristas. Ao confirmar a reserva, é possível confirmar data, horário e local para entrega do veículo, conforme o que for mais adequado para ambos os lados e, claro, conforme a disponibilidade do seu carro.

8. Problemas? Responsabilidade do condutor!
Já falamos que seu carro fica protegido por seguro ao ser alugado, mas, em caso de qualquer tipo de problema mais simples, como dano ou limpeza, o condutor fica responsável por pagar as despesas. Se depois do aluguel você identificar qualquer avaria, basta entrar em contato com a plataforma de aluguéis de carro e ela será responsável por realizar as cobranças devidas.

9. Qualquer multa será transferida
Se o condutor levar qualquer multa no período do aluguel, a cobrança e os pontos são transferidos para a carteira dele. O procedimento para a transferência é simples, baseando-se num papel assinado previamente pelo condutor.

Neste artigo, você conheceu bons motivos para alugar seu veículo, reduzindo os custos com seu carro e, até mesmo, ganhando uma renda extra. Apostar neste tipo de serviço vale a pena para você? Coloque seus gastos na ponta do lápis (ou conte com a ajuda do GuiaBolso para tê-los na tela do celular com muita praticidade) e avalie suas possibilidades de ganhos, lembrando que esse tipo de atitude pode trazer um sossego a mais para o seu bolso no final do mês. Se tiver interesse, inscreva seu carro numa plataforma de compartilhamento e faça um teste.


Outros destaques: